A Árvore da vida dos amigos


Existem pessoas nas nossas vidas que nos fazem felizes pela simples casualidade de terem cruzado o nosso caminho.
Algumas percorrem o caminho a nosso lado, vendo muitas luas passar, mas outras apenas vemos entre um passo e outro.
A todas chamamos amigos e há muitas classes deles.
Talvez cada folha de uma árvore represente um dos nossos amigos.
O primeiro que nasce é o nossos amigo Pai e a nossa amiga Mãe, que nos mostram o que é a vida.
Depois, vêem os amigos Irmãos, com quem dividimos o nosso espaço para que possam florescer como nós.
Passamos a conhecer toda a família de folhas a quem respeitamos e desejamos o bem.
Mas, o destino apresenta-nos a outros amigos, os quais não sabíamos que iriam cruzar-se no nosso caminho. A muitos deles chamamos-lhes amigos da alma, do coração. São sinceros, são verdadeiros. Sabem quando não estamos bem, sabem o que nos faz feliz.
E ás vezes um desses nossos amigos da alma estala no nosso coração e então chamamos-lhe um amigo namorado. Esse dá brilho aos nossos olhos, música aos nossos lábios, saltos aos nossos pés.
Mas também há aqueles amigos de passagem, talvez umas férias ou uns dias ou umas horas. Eles colocam-nos sorrisos no rosto durante o tempo que estamos com eles.
Falando do assunto, não podemos esquecer os amigos distantes, aqueles que estão na "ponta das ramas" e que quando o vento sopra, sempre aparecem entre uma folha e outra. O tempo passa, o Verão vai-se, o Outono aproxima-se e perdemos algumas das nossas folhas, algumas nascem noutro Verão e outras permanecem por muitas estações.
Mas o que nos deixa mais felizes, é que as folhas que caíram continuam junto, alimentando a nossa raiz com alegria. São recordações de momentos maravilhosos de quando se cruzaram no nosso caminho.
Desejo-te, folha da minha arvore, paz, amor, sorte e prosperidade.
Hoje e sempre...Simplesmente porque cada pessoa que passa na nossa vida é única. Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós.
Haverá os que levam muito, mas não haverá os que não nos deixam nada.
Esta é a maior responsabilidade da nossa vida e a prova evidente de que duas almas não se encontram por casualidade."

A Atitude é tudo!!!

O João era o tipo de homem que qualquer pessoa gostaria de conhecer.

Estava sempre de bom humor e tinha sempre qualquer coisa de positivo para dizer.

Se alguém lhe perguntasse como estava, a resposta seria logo:
- Cada dia melhor ... !!!

Era um gerente especial, os empregados seguiam-no de restaurante em restaurante, só por causa da sua atitude. Era um motivador nato: se um colaborador tinha um mau dia, o João dizia-lhe sempre para ver o lado positivo da situação.

Fiquei tão curioso com o seu estilo de vida. que um dia perguntei-lhe:
- João, como podes ser uma pessoa tão positiva o tempo todo? Como é que consegues isso?
Respondeu-me:
- Cada manhã, ao acordar, digo para mim mesmo: "João, hoje tens duas escolhas, podes ficar de bom humor ou de mau humor, e escolho ficar de bom humor." Cada vez que algo de mau acontece, posso escolher fazer-me de vítima ou aprender alguma coisa com o ocorrido: escolho aprender algo. Sempre que alguém reclama, posso escolher aceitar a reclamação ou mostrar o lado positivo da vida.
Nunca mais me esqueci do que o João me disse, e lembrava-me sempre dele quando fazia uma escolha.

Anos mais tarde soube que o João cometera um erro, deixando pela manhã a porta de serviço aberta, e foi surpreendido por assaltantes.
Dominado, enquanto tentava abrir o cofre, a mão, tremendo com o nervosismo, desfez a combinação do segredo. Os ladrões entraram em pânico, dispararam e atingiram-no.
Por sorte, foi encontrado a tempo de ser socorrido e levado para um hospital.
Depois de 18 horas de cirurgia e semanas de tratamento intensivo, teve alta, ainda com fragmentos de balas alojadas no corpo.

Encontrei-o mais ou menos por acaso passado um tempo, e quando lhe perguntei como estava, logo me respondeu com o seu habitual ar bem disposto:
- Óptimo, se melhorar estraga!

Contou-me o que tinha acontecido, e perguntou se queria ver as suas cicatrizes.
Recusei-me a ver os seus ferimentos, mas perguntei-lhe o que lhe tinha passado pela cabeça na ocasião do assalto.
- A primeira coisa que pensei foi que devia ter trancado a porta das traseiras. Respondeu:
- Então, deitado no chão, ensanguentado, lembrei-me que tinha duas escolhas: poderia viver ou morrer. Escolhi viver!!
- Não tiveste medo? -perguntei
- Olha, os paramédicos foram óptimos, diziam-me que tudo ia dar certo e que eu ia ficar bom. Mas quando cheguei à sala de emergência e vi a expressão dos médicos e enfermeiras, fiquei apavorado: nas expressões deles eu lia claramente: Esse aí já era...
- Decidi que tinha de fazer algo.
- E o que fizeste?? perguntei:

- Bem, havia uma enfermeira que fazia muitas perguntas. Perguntou-me se eu era alérgico a alguma coisa. Eu respondi que sim. Todos pararam para ouvir a minha resposta. Tomei fôlego e gritei: "Sou alérgico a balas!!" Entre a risota geral, disse-lhes: "Eu escolho viver, operem-me como um ser vivo, não como um morto!!"
O João sobreviveu graças à persistência dos médicos, mas, também graças à sua atitude.
Aprendi que todos os dias temos a opção de viver plenamente e tomar decisões, pois serão essas atitudes que trarão benefícios agora e para a eternidade.

Afinal de contas ...
... A ATITUDE É TUDO ...

Fim de semana dedicado a S.Paulo

No passado Domingo comemorou-se, de forma especial, o nascimento de S. Paulo...



Assim, também de forma especial, pretendemos comemorar o aniversário de S.Paulo com as seguintes actividades:

  • Sábado
    • Reuniao JOB com o seguinte tema "Corro para a meta..."
    • Oraçao Taizé com o grupo de jovens de S.Sebastião
  • Domingo
    • "Corro para a meta; a minha meta é Cristo"  - Actividade organizada pelos Missionários Combonianos

O Suspiro

Voai, brandos meninos tentadores,
Filhos de Vénus, deuses da ternura,
Adoçai-me a saudade amarga e dura,
Levai-me este suspiro aos meus amores:

Dizei-lhe que nasceu dos dissabores
Que influi nos corações a formosura;
Dizei-lhe que é penhor da fé mais pura,
Porção do mais leal dos amadores:

Se o fado para mim sempre mesquinho,
A outro of'rece o bem de que me afasta,
E em ais lhe envia Ulina o seu carinho:

Quando um deles soltar na esfera vasta,
Trazei-o a mim, torcendo-lhe o caminho;
Eu sou tão infeliz, que isso me basta.

Bocage

Quem pode livre ser, gentil Senhora,


Quem pode livre ser, gentil Senhora,
Vendo-vos com juízo sossegado,
Se o Menino que de olhos é privado
Nas meninas de vossos olhos mora?

Ali manda, ali reina, ali namora,
Ali vive das gentes venerado;
Que o vivo lume e o rosto delicado
Imagens são nas quais o Amor se adora.

Quem vê que em branca neve nascem rosas
Que fios crespos de ouro vão cercando,
Se por entre esta luz a vista passa,

Raios de ouro verá, que as duvidosas
Almas estão no peito trespassando
Assim como um cristal o Sol trespassa.

Luís de Camões

Mar Português


Ó mar salgado, quanto do teu sal
São lágrimas de Portugal!
Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
Quantos filhos em vão rezaram!
Quantas noivas ficaram por casar
Para que fosses nosso, ó mar!

Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma nao é pequena.
Quem quer passar além do Bojador
Tem que passar além da dor.
Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
Mas nele é que espelhou o céu.

(Fernando Pessoa, in Mensagem)

olá a todos.

Povo hoje a reunião foi mt fixe. Eu adorei. César parabéns tu estás lá.
Gente aki fica uma coisa para a ,malta.
Espero que gostem.

O meu melhor amigo.


Para mim;

O meu melhor amigo.


É aquela pessoa;

Que ....


Nos aconselha;

A direcção para o caminho correcto;

Da nossa vida.


Aquele que te Compreende.


Ajuda-nos a;

Resolver os problemas pessoais e outros.


Aquele que sempre;

Que tu precisas está sempre presente.


Quem é o teu melhor amigo?


Quem é o meu melhor amigo?

a.a.c.r

Aquele abraço e boas pedaladas, alexjudoka_gmr
Até breve.

Escada sem corrimão


É uma escada em caracol
E que não tem corrimão.
Vai a caminho do sol
Mas nunca passa do chão.


Os degraus, quanto mais altos,
Mais estragados estão,
Nem sustos nem sobressaltos
Servem sequer de lição.


Quem tem medo não a sobe,
Quem tem sonhos também não.
Há quem chegue a deitar fora
O lastro do coração.


Sobe-se numa corrida,
Corre-se p'rigos em vão.
Adivinhaste: é a vida
A escada sem corrimão.

Pegadas na areia


Uma noite eu tive um sonho.

Sonhei que estava andando na praia com o Senhor
e através do Céu, passavam cenas da minha vida.

Para cada cena que se passava, percebi que eram deixados
dois pares de pegadas na areia;
Um era meu e o outro do Senhor.

Quando a última cena da minha vida passou
Diante de nós, olhei para trás, para as pegadas
Na areia e notei que muitas vezes, no caminho da
Minha vida havia apenas um par de pegadas na areia.

Notei também, que isso aconteceu nos momentos
Mais difíceis e angustiosos do meu viver.

Isso entristeceu-me deveras, e perguntei
Então ao Senhor.
"- Senhor, Tu me disseste que, uma vez
que eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre
comigo, todo o caminho mas, notei que
durante as maiores atribulações do meu viver
havia na areia dos caminhos da vida,
apenas um par de pegadas. Não compreendo
porque nas horas que mais necessitava de Ti,
Tu deixastes-me."

O Senhor respondeu-me:
"- Meu precioso filho. Eu te amo e
jamais te deixaria nas horas da tua prova
e do teu sofrimento.
Quando vistes na areia, apenas um par
de pegadas, foi exactamente aí que EU,
nos braços...Te carreguei."

Resultados JOBKart

Ficaria incompleto se às fotos não inserissemos também os resultados da corrida...
No final, o aniversariante acabou por ganhar...(até parece que foi de propósito...)

  1. Tadeu
    • 16 voltas
    • Melhor volta: 0:31.218
    • Média: 0:33.455
  2. César
    • 14 voltas
    • Melhor volta: 0:31.937
    • Média: 0:37.250
  3. Isabel
    • 13 voltas
    • Melhor volta: 0:33.297
    • Média: 0:39.405
  4. Angela
    • 14 voltas
    • Melhor volta: 0:33.563
    • Média: 0:37.790
  5. Alex
    • 14 voltas
    • Melhor volta: 0:33.922
    • Média: 0:40.350
  6. Luis
    • 14 voltas
    • Melhor volta: 0:34.578
    • Média: 0:38.517
  7.  Rita
    • 12 voltas
    • Melhor volta: 0:40.094
    • Media: 0:50.526
  8.  Cris
    • 11 voltas
    • Melhor volta: 0:41.734
    • Media: 0:53.119
  9.  Cristina
    • 8 voltas
    • Melhor volta: 0:47.422
    • Media: 1:03.904


+ uma actividade do grupo de Juvens.

Olá a todos:

No dia de aniversario do Tadeu,
e já agora Parabéns Tadeu, a malta esta contigo, fomos ate Famalicão ao Karting Indoor.
Espero que tenham gostado da experiência.
Aki fica uma pequeno Slide Show




E tb fica o álbum caso tenham vontade de ficar com ele.

Kart JOB


Aquele abraço e boas pedaladas, alexjudoka_gmr
Até breve.
Parabéns Tadeu, a malta está contigo.

Aniversario - Recados Para Orkut


Espero que hoje, seja uma dia muito feliz para ti, a passar junto da aquele que tu mais gostas.

Aquele abraço e boas pedaladas, alexjudoka_gmr
Até breve.

Hoje...

Hoje existem edifícios mais altos e estradas mais largas, porém temperamentos pequenos e pontos de vista mais estreitos.
Gastamos mais, porém desfrutamos menos.

Temos casas maiores, porém famílias menores.

Temos mais compromissos, porém menos tempo.

Temos mais conhecimentos, porém menos discernimento.

Temos mais remédios, porém menos saúde.

Multiplicamos nossos bens, porém reduzimos nossos valores humanos.

Falamos muito, amamos pouco e odiamos demais.

Chegamos à Lua, porém temos problemas para atravessar a rua e conhecer o nosso vizinho.

Conquistamos o espaço exterior, porém não o interior.

Temos dinheiro, porém menos moral....

Há mais liberdade, porém menos alegrias....

Dias em que há dois salários em casa, porém aumentam os divórcios.

Dias de casas mais lindas, porém de lares desfeitos.

Por tudo isso, proponho que de hoje e para sempre...

Não deixes nada “para uma ocasião especial”, porque cada dia que viveres será uma ocasião especial.

Lê mais, senta-te na varanda e admira a paisagem sem te importares com as tempestades.

Passa mais tempo com a tua família e com teus amigos, come a tua comida preferida, visita os lugares que amas.

A vida é uma sucessão de momentos para serem desfrutados, não apenas para sobreviver.

Usa as tuas taças de cristal, não guardes o melhor perfume, é bom usá-los cada vez que sentires vontade.

Escreve aquela carta que pensavas escrever “Um destes dias”.

Diz aos teus familiares e amigos o quanto os amas.

Por isso não negues nada daquilo que tornaria a tua vida em sorrisos e alegria.

Cada dia, hora e minuto são especiais... e não sabes se será o último...

Valor de um Sorriso


Um sorriso não custa nada, mas dá tudo. Enriquece quem o recebe, sem empobrecer aquele que o dá. Dura um só momento, mas a sua lembrança, às vezes, dura para sempre.
Um sorriso cria alegria dentro de casa, fomenta a boa-vontade no trabalho e é o contra signo da amizade. Traz descanso aos fatigados, alegria aos desencorajados, sol aos amargurados e é o antídoto natural para os problemas.
No entanto não pode ser comprado, pedido, emprestado ou roubado, porque não tem nenhum valor até ser dado de livre vontade.
Algumas pessoas estão muito cansadas para te dar um sorriso. Dá-lhe um dos teus, porque ninguém precisa tanto de um sorriso do que aqueles que não tem mais sorrisos para dar.

Sorri! Sorri sempre!
Ainda que o teu sorriso seja triste,
Porque mais triste que o teu sorriso triste é a tristeza de não saberes sorrir.

Meditação de Taizé 2009

Caros amigos e irmãos...
Um Feliz Ano Novo a todos!!!

Deixo-vos, como primeiro apelo, à renovação da vossa esperança em Cristo, neste novo ano, com a meditação de Janeiro de Taizé:

Mateus 18,21-35: Perdoar do íntimo do coração
Então, Pedro aproximou-se e perguntou-lhe: «Senhor, se o meu irmão me ofender, quantas vezes lhe deverei perdoar? Até sete vezes?» Jesus respondeu: «Não te digo até sete vezes, mas até setenta vezes sete.
 
Por isso, o Reino do Céu é comparável a um rei que quis ajustar contas com os seus servos. Logo ao princípio, trouxeram-lhe um que lhe devia dez mil talentos. Não tendo com que pagar, o senhor ordenou que fosse vendido com a mulher, os filhos e todos os seus bens, a fim de pagar a dívida. O servo lançou-se, então, aos seus pés, dizendo: ’Concede-me um prazo e tudo te pagarei.’ Levado pela compaixão, o senhor daquele servo mandou-o em liberdade e perdoou-lhe a dívida. Ao sair, o servo encontrou um dos seus companheiros que lhe devia cem denários. Segurando-o, apertou-lhe o pescoço e sufocava-o, dizendo: ’Paga o que me deves!’ O seu companheiro caiu a seus pés, suplicando: ’Concede-me um prazo que eu te pagarei.’ Mas ele não concordou e mandou-o prender, até que pagasse tudo quanto lhe devia. Ao verem o que tinha acontecido, os outros companheiros, contristados, foram contá-lo ao seu senhor. O senhor mandou-o, então, chamar e disse-lhe: ’Servo mau, perdoei-te tudo o que me devias, porque assim mo suplicaste; não devias também ter piedade do teu companheiro, como eu tive de ti?’ E o senhor, indignado, entregou-o aos verdugos até que pagasse tudo o que devia. Assim procederá convosco meu Pai celeste, se cada um de vós não perdoar ao seu irmão do íntimo do coração.» (Mateus 18,21-35)

Com esta parábola, Jesus mostra-nos um espelho de cada vez que pensamos que temos de limitar o nosso perdão. «Não devias também ter piedade do teu companheiro, como eu tive de ti?» Esta pergunta do rei é, também, a pergunta que Cristo nos faz. Limitar o perdão não faz sentido para alguém que conheceu o perdão desmedido de Deus.
Claro que o perdão de Deus vem primeiro. Não é condicionado pelo nosso. Mas, visto que o perdão é um todo indivisível, é impossível viver no perdão de Deus sem «perdoar ao seu irmão do íntimo do coração».

 

- Costumo dizer «Chega!»? Que limites é que imponho à minha prontidão em perdoar? Porquê?
- O que significa perdoar do íntimo do coração (v.35)?
- Como pode aquilo que é inacreditável e desmedido no perdão de Deus transformar a minha atitude face àqueles que são injustos comigo?